Mesmo quando não prestamos atenção ao calendário, os sinais estão aí.O amanhecer tem um aroma diferente. O vento frio afasta-nos da praia. O azul do céu é substituído pelo cinzento das nuvens baixas. O cheiro da maresia desvanece-se e é substituído pelo cheiro da terra molhada. As folhas secas caem a retratar a mudança. O Outono bate à porta.

No retrato da natureza, os tons claros do Verão são lentamente substituídos pelos vermelhos e castanhos. Assim também a estrutura de aromas vai mudando. O cheiro a bronzeador e sardinha assada desaparecem e aparecem aromas novos a uva pisada, a marmelada e a castanha assada. A terra molhada abunda e o ar fica limpo após as primeiras chuvas.

Com o chegar do Outono, muito em breve as lareiras serão acesas e o cheiro a fumo passará a fazer parte do nosso dia a dia. O aroma típico da castanha, marmelo, canela domina os nossos fins-de-semana a serem acompanhados pelos pingos da chuva no nosso espaço reconfortante de nossa casa. Está na hora de mudar o perfume para notas mais doces, mais quentes, mais convidativas à época que vivemos.

Adeus Verão, até para o ano!
outono

Deixe uma resposta

Close Menu